Metafísica. O que isso tem a ver com DW/BI? Nada…

Às vezes, lemos um texto, que nada tem a ver com o nosso propósito profissional, e nos pegamos pensando que esse texto tem uma interessante e suave conexão com a nossa atividade profissional diária…

Tá bom… Eu posso ter exagerado, afinal, é Filosofia pura. Mas, a Filosofia é que nos faz pensar…

A metafísica é o estudo mais geral da realidade – o que existe e como.

A primeira questão – O que existe? – é investigada pela Ontologia, um subcampo da metafísica. A Ontologia pergunta: Tudo que existe é material ou há coisas imateriais, como alma? Existem objetos matemáticos abstratos, como números e conjuntos? Ela também indaga: O que significa, para uma coisa qualquer, existir? A existência é uma propriedade, como ser vermelho, que algumas coisas tem e outras não? Ou é apenas uma coleção de tudo que é, de modo que não pode haver algo que não exista? Se a existência é uma propriedade, como o vermelho, que tipo de propriedade ela é? Quando digo que os cavalos existem, mas os unicórnios não, o que estou dizendo sobre os cavalos que estou negando nos unicórnios?

A metafísica faz também um segundo tipo de pergunta, sobre as características e a relação das coisas. por exemplo, se existem números, eles existem no espaço e no tempo? Existem contingencialmente, ou seja, podem cessar de existir?

Muitos filósofos compartilham um princípio da metafísica que acredita haver dois tipos muito gerais das coisas: substâncias e propriedades. As substâncias são objetos no sentido comum, enquanto as propriedades são modos como essas substâncias são. Por exemplo, uma camisa é uma substância, ao passo que a cor de uma camisa é uma propriedade dela. Muitas questões metafísicas decorrem das noções de substância e propriedade.

Uma pergunta que os filósofos vêm fazendo há muito tempo é se as propriedades são individuais ou gerais. Dizer que as propriedades são gerais significa que, para cada uma de duas coisas vermelhas – digamos, uma camisa e uma rosa (Flôr) – existe literalmente uma propriedade única chamada vermelho, possuída, ou instanciada, por ambas as coisas. “Instanciação” é um termo filosófico que descreve a relação entre uma substância e uma propriedade. Dizer que as propriedades são individuais significa que existem literalmente duas propriedades diferentes – o vermelho instanciado pela camisa e aquele instanciado pela rosa. E essas propriedades se assemelham perfeitamente.

E aí? Difícil de entender? Na minha época de Faculdade, estudavámos Filosofia, em seu conceito amplo, e tentávamos aplicar tais conceitos em outras matérias…

Em tempo: A Metafísica deve seu nome aos primeiros editores dos escritos aristotélicos. Esse assunto é tratado no livro que veio depois do livro chamado FÍSICA, de Aristóteles. Como esse livro não tinha título, os editores o chamaram de METAFÍSICA – em grego, “depois da física”. O que hoje chamamos de Metafísica, Aristóteles denominava Filosofia Primeira.

Melhorou? Será que conseguimos associar esse texto às atividades de levantamento e definição dos dados? Quais os dados que devem compor o DW? O que é Metadados? Quem sabe…..

Até a próxima!

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: